• img-book

    Dante Alighieri

REF: 1250010004

A Divina Comédia

por: Dante Alighieri

Escrita entre 1306 e 1321, a obra máxima da literatura italiana narra a viagem de Dante ao Inferno, Purgatório e Paraíso.

Grátis!

A Divina Comédia PDF

Download
Livros de Dante Alighieri
Visão Geral

“O Poema Sagrado de Dante”, séculos após registrado como A Divina Comédia  (em italiano: Divina Commedia, originalmente Comedìa e, mais tarde, denominada Divina Comédia por Giovanni Boccaccio) é um poema de viés épico eteológico da literatura italiana e da mundial, escrito por Dante Alighieri no século XIV e dividido em três partes:

  • Inferno
  • Purgatório
  • Paraíso

Escrito originalmente em dialeto toscano, dialeto popular semelhante ao italiano atual, e não em latim como fazia-se comum à época, trata-se de um poema articulado por trilogias, entre elas as formadas por Razão – Humano – Fé, Onça – Leão – Loba, Pai – – Espirito Santo; e com final feliz segundo sugerido pelo próprio nome. À época em que Dante escreveu o poema os textos eram separados entre Comédia, obras dotadas de finais felizes, e Tragédias, com finais contrastantes aos das Comédias.

Não há registo da data exata em que foi escrita, mas as opiniões mais reconhecidas asseguram que o Inferno pode ter sido composto entre 1304 e 1307-1308, o Purgatório de 1307-1308 a 1313-1314 e, por último, o Paraíso, de 1313-1314 a 1321 (esta última data coincide com a morte de Dante).

O poema – talvez o maior do Ocidente – descreve uma viagem onde se sucedem diversos acontecimentos. Sua força está na riqueza das alegorias, que tornam o relato atemporal.

Dante escreveu a “Comédia” – um poema de estrutura épica, com propósitos filosóficos – no seu dialeto local, o florentino, que é uma variedade do toscano. O poeta demonstrou que o florentino (muito próximo do que hoje é conhecido como língua italiana), uma língua vulgar (em oposição ao latim, que se considerava como a língua apropriada para discursos mais sérios), era adequado para o mais elevado tipo de expressão, estabelecendo-o como italiano padrão. De fato, é a matriz do italiano atual.

Há quem veja esta obra como a Suma Teológica, de São Tomás de Aquino, em verso .

Grandes pintores de diferentes épocas criaram ilustrações para a Divina Comédia, destacando-se Botticelli, Gustave Doré e Dalí.

Detalhes

SKU: 1250010004
Editora: Acacia Publishing
Data de Publicação: 1304-1321
Nº de Páginas: 788

Conheça o Autor

“A Divina Comédia”

Não há nenhuma avaliação ainda.